A PESSOA DO PROFESSOR COMO MAIS VALIA NA QUALIDADE DA EDUCAÇÃO :A PROCURA DA COMPONENTE SIMBÓLICA

Partindo da constatação de algumas características da educação na sociedade actual (a predominância da aprendizagem, a multiplicidade de agentes educativos, a mutação de variáveis, a emergência da sociedade da informação e a relatividade dos modelos), de alguns caracteres distintivos da personalidade dos jovens (sentido da justiça, valores democráticos e generosidade) e bem assim do conceito social do professor (algum prestígio na opinião pública, mas uma certa desvalorização social), propõem-se as qualidades educativas que mais parecem influenciar os jovens (a pessoa, o exemplo, o rigor, a atenção aos problemas), e algumas balizas de orientação para a acção educativa. Apresenta-se como "um modelo" um texto do padre António Vieira que define uma atitude educativa (o trabalho, a perseverança).


Login